Notícias

08/05/2018

Cida anuncia maior repasse para o audiovisual no Estado

repasse cidaA governadora Cida Borghetti anunciou nesta terça-feira (8), no Palácio Iguaçu, a liberação de R$ 10 milhões para a produção de filmes, telecines, longas-metragens, curtas e documentários no Estado. É o maior repasse para o setor audiovisual de toda a história do Paraná.

 

Ao fazer o anúncio, Cida afirmou que a cultura deve ser promovida e preservada. “É uma satisfação dar essa notícia, pois acreditamos que cultura é educação e história, e deve ser preservada. Por isso, vamos sempre apoiar os produtores culturais do nosso Estado”, disse.

 

O recurso é proveniente de um edital compartilhado feito pelo Estado e a Agência Nacional do Cinema (Ancince). Do total, R$ 2 milhões são do governo estadual e outros R$ 8 milhões entram como contrapartida do órgão federal. “O acordo foi que a cada um real aportado por nós, receberíamos outros quatro”, disse o secretário de Estado da Cultura, João Luiz Fiani.

 

O secretário lembrou que a liberação vai refletir em toda a cadeia da economia criativa do audiovisual, como design, sonoplastia, contratação de atores, parte técnica de som e luz e locações. “Com isso, vamos gerar muitos empregos e colaborar, inclusive, com o crescimento do nosso Produto Interno Bruto (PIB)”, disse.

 

O edital com informações sobre o acesso ao crédito será publicado em junho pela Secretaria de Estado da Cultura.

 

REPASSES 

Não é a primeira vez que o Governo do Estado faz um grande aporte para a área audiovisual. Em julho de 2017, foram liberados R$ 2,2 milhões dos orçamentos da Secretaria de Estado da Cultura e da Rádio e Televisão Educativa do Paraná (É-Paraná) para investimento na produção de audiovisual. A Ancince, como contrapartida, repassou outros R$ 2,2 milhões.

 

APOIO

O Paraná também conta com um programa próprio de incentivo à cultura, o Profice, que engloba a produção de curtas-metragens, telefilmes e longas-metragens. No biênio 2016 e 2017, o Governo do Estado liberou R$ 25 milhões para financiar produções de artistas paranaenses. Em 2018 e 2019, o total destinado somará R$ 30 milhões, via renúncia fiscal, para projetos culturais.

 


Fonte: AEN/PR

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.